Ir para o conteúdo

Prefeitura de Botucatu - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Botucatu - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Youtube
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
13
13 MAI 2022
SAÚDE
109 visualizações
Regiões Norte e Sul recebem nebulização veicular contra o Aedes aegypti nesta sexta-feira
enviar para um amigo
receba notícias
​Mesmo com a aplicação do inseticida é necessário continuar eliminando possíveis criadouros do mosquito.

A Vigilância Ambiental em Saúde realizará na tarde desta sexta-feira, 13, nebulização veicular em quarteirões do Residencial Colinas do Paraíso e Jardim Chácara dos Pinheiros, na Região Norte, e Jardim Santa Mônica, na Região Sul, conforme mapas. A ação terá início às 17 horas com término previsto para 19h30.

A nebulização é de suma importância devido a casos suspeitos e confirmados nestas regiões e complementará outras atividades realizadas, com o objetivo de reduzir criadouros do mosquito Aedes aegypti e interromper o ciclo de transmissão da doença.

Para essa atividade de nebulização, não será necessário que os moradores saiam de casa, mas é preciso seguir algumas recomendações para que a ação do inseticida seja eficaz contra o mosquito Aedes aegypti: deixar portas e janelas abertas para que o produto possa penetrar os cômodos das edificações e não permanecer na calçada quando avistar o veículo que está pulverizando para que não ocorra a interrupção do fluxo de saída do inseticida.

Ressaltamos que o produto utilizado foi desenvolvido para as ações de saúde pública, portanto não é prejudicial às pessoas e animais domésticos, sendo apenas recomendado não deixar gaiolas de aves nas calçadas durante a aplicação do inseticida.

O inseticida agirá apenas no momento da aplicação, portanto a eliminação de possíveis criadouros do mosquito transmissor da doença é a melhor prevenção contra a dengue.

É importante que a população procure atendimento médico ao aparecimento de sintomas característicos da doença, como: febre alta, dor de cabeça, dor no fundo dos olhos, dores musculares, manchas vermelhas na pele, cansaço e indisposição, pois se houver a suspeita de dengue (ou de outra arbovirose, como a Chikungunya), o caso será notificado e novas ações como essa serão feitas para quebrar o ciclo de transmissão da doença.

Em 2022 já foram confirmados 160 casos, sendo 18 importados e 142 autóctones.

Mais informações:
Vigilância Ambiental em Saúde
Rua Major Matheus, 07 - Vila dos Lavradores
Telefone: (14) 3811-1609 

 

Seta
Versão do Sistema: 3.2.2 - 02/05/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia