Ir para o conteúdo

Prefeitura de Botucatu - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Youtube
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
06
06 ABR 2021
CULTURA
304 visualizações
Pesquisa vai mapear iniciativas de Economia Criativa na Cuesta Paulista
PROCESSANDO ÁUDIO

No período de 04 a 21 de abril, ocorre o Mapeamento da Economia Criativa – Cuesta Paulista, uma pesquisa que tem o objetivo de mapear, compreender as potencialidades, identificar oportunidades e fomentar, a partir da sua divulgação e outras ações, o trabalho de artistas, produtores e empreendedores da Cuesta Paulista, em toda a cadeia da Economia Criativa. O estudo também tem o objetivo de fundamentar um Plano de Desenvolvimento e Fortalecimento Econômico Regional. Diversas Prefeituras, o Sebrae e o Pólo Cuesta são apoiadores da iniciativa.

Por Economia Criativa entendem-se os trabalhos baseados no capital intelectual e cultural e na criatividade que gera valor econômico, dentre eles: artesanato, folclore, serviços culturais em geral, museologia, produção cultural, patrimônio, serviços educacionais em arte e cultura, criação e produção musical, produção audiovisual, artes cênicas, produção editorial, artes visuais, arquitetura, design gráfico, publicidade, marketing e moda.

A pesquisa será aplicada nos municípios de Anhembi, Areiópolis, Avaré, Barra Bonita, Bauru, Bofete, Botucatu, Conchas, Itatinga, Lençóis Paulista, Pardinho, Paranapanema, Pratânia, São Manuel, Torre da Pedra, entre outros.

O Mapeamento da Economia Criativa – Custa Paulista é uma realização do Instituto Jatobás, Organização da Sociedade Civil sem fins lucrativos, que atua no município de Pardinho desde 2005, promovendo ações para o desenvolvimento sustentável local e tendo a cultura e o empreendedorismo como eixos estratégicos de investimento. Em 2008, o Instituto entregou a Pardinho, o Centro Max Feffer Cultura & Sustentabilidade (CMFCS) que hoje é certificado como Ponto de Cultura e um dos principais equipamentos culturais da região.

Em 2020, o Instituto Jatobás deu início ao seu plano de expansão e, a partir da sua experiência e conhecimento do potencial da região, passará a atuar em prol do desenvolvimento socioeconômico de toda a Cuesta Paulista. “Trata-se de uma região com uma veia artística e cultural muito grande e por isso, com potencial e diversidade para a Economia Criativa. E é preciso entender e pensar essas atividades como profissões que formam uma cadeia produtiva. Daí a importância de conhecer a dinâmica de atuação desses profissionais e empreendedores culturais e criativos para viabilizar a criação de um plano estratégico que contribua para potencializar a geração de trabalho e renda e promover o desenvolvimento socioeconômico regional”, explica Regiane Oliveira, Diretora do Instituto Jatobás.

A pesquisa terá como instrumento um questionário e poderá ser respondido por pessoas físicas maiores de 18 anos e empresas, com fins lucrativos, localizadas nos municípios da Cuesta Paulista e atuantes nas seguintes atividades:

CULTURA
• Expressões Culturais: artesanato, folclore
• Patrimônio e Artes: serviços culturais em geral, museologia, produção cultural, patrimônio material e imaterial, serviços educacionais em arte e cultura
• Música: criação e interpretação musical, gravação, edição, mixagem de som, serviços educacionais em música
• Artes Visuais: fotografia, escultura, pintura, ilustrações, grafitti, serviços educacionais em artes visuais
• Artes Cênicas: criação, atuação, produção, direção de espetáculos de teatro, circo, dança, serviços educacionais em artes cênicas
• Agente da cadeia produtiva – arte e cultura: iluminação, cenografia, montagem e desmontagem, acessibilidade, transporte especializado, salvaguarda de patrimônio material e imaterial, outros.

MÍDIA
• Editorial: edição de livros, jornais, revistas, conteúdo digital
• Games: desenvolvimento de jogos eletrônicos
• Audiovisual: criação, desenvolvimento de conteúdo, distribuição, programação e transmissão

CONSUMO
• Arquitetura: design e projetos (edificações, cenografia, expografia), planejamento e conservação, paisagismo
• Design: gráfico, multiídia e móveis
• Moda: desenho de roupas, acessórios e calçados, modelistas
• Publicidade e Marketing: atividades de publicidade, marketing, organização de eventos, pesquisa de mercado

Ao final do processo, os resultados do Mapeamento serão apresentados aos governos locais, parceiros e todos os que responderam a pesquisa, num evento com data e local a serem definidos. O Instituto Jatobás oferecerá também aos participantes da pesquisa, dois cursos gratuitos de capacitação: um em Elaboração de Projetos e o outro em Comunicação e Marketing.

Para mais informações, acesse: www.institutojatobas.org.br/mapeamentocuesta

VINCULADOS À PÁGINA:
Secretaria de Cultura
Seta
Versão do Sistema: 2.10.4 - 01/04/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia